O Retrato do Rei


Depois do êxito do romance Boca do inferno - mais de cinqüenta semanas na lista dos mais vendidos e direitos de publicação adquiridos em treze países -, Ana Miranda volta a abordar com os recursos da ficção outro episódio do nosso passado. O retrato do rei é a narrativa da Guerra dos Emboabas, na qual paulistas e portugueses se defrontaram, no início do século XVIII, pelo controle da região do ouro nas Minas Gerais. No centro desta empolgante história, paira o mistério do desaparecimento do retrato de d. João V, a única coisa que talvez pudesse ter evitado o colapso da ordem e o derramamento de sangue."Ana Miranda consegue retratar essa luta, e envolver o leitor, através de uma linguagem simples e agradável, num quadro que se situa no século XVIII, mas que em boa parte poderia ser intemporal - cupidez, violência, corrupção e arrogância não são privilégio de uma época... É um livro que merece ser lido, e que certamente há de ser lido com prazer."José E. Mindlin



Saiba Mais


FICHA TÉCNICA

Título Original: O Retrato do Rei

OutrosTítulos: 

Ano de Edição: 1991

Etiqueta(s): 

Colecção: 

Série(s): 

Avaliação interna (1 a 5): 3

Inf. Web: 

O retrato do rei é a narrativa da Guerra dos Emboabas, na qual paulistas e portugueses se defrontaram, no início do século XVIII, pelo controle da região do ouro nas Minas Gerais. No centro desta empolgante história, paira o mistério do desaparecimento do retrato de d. João V, a única coisa que talvez pudesse ter evitado o colapso da ordem e o derramamento de sangue.

"Ana Miranda consegue retratar essa luta, e envolver o leitor, através de uma linguagem simples e agradável, num quadro que se situa no século XVIII, mas que em boa parte poderia ser intemporal - cupidez, violência, corrupção e arrogância não são privilégio de uma época... É um livro que merece ser lido, e que certamente há de ser lido com prazer."

José E. Mindlin

 

Ano de Edição
1990 -1999
Gênero
Ficção
País do Autor
Brasil
Língua
Português