Alfred Bester


Alfred Bester (Nova Iorque, 18 de Dezembro de 1913 — Doylestown, Pensilvânia, 30 de Setembro de 1987) foi um jornalista e escritor norte-americano de ficção científica. Em 1942, tornou roteirista de histórias em quadrinhos, chegando a substituir Lee Falk nas tiras O Fantasma e Mandrake, além de escrever histórias do Lanterna Verde para a DC Comics. Foi o primeiro vencedor do Prémio Hugo, em 1953, pelo seu livro The Demolished Man, uma história sobre policiais telepatas,[2] apontada como precursora do gênero cyberpunk. https://pt.wikipedia.org/wiki/Alfred_Bester